terça-feira, 29 de junho de 2010

Swoon de Nina Malkin

O novo lançamento da autora Nina Malkin pela Galera Record vem sendo aguardado durante todo o ano.  Seus livros anteriores lançados do Brasil, Confissões de uma Banda (resenha aqui) e Confissões de uma banda :  alto , rápido e fora de controle,  são leves e divertidos, mas a premissa de Swoon  é bem diferente.  A história  de Swoon é muito mais misteriosa, sombria (quase demoníaca)  e até em certos pontos bizarra.  

Candice - ou Dice- é uma garota da cidade grande com dons paranormais.  Seus  pais vivem ausentes por causa de seus empregos glamourosos, mas ela não se importa nem um pouco em ficar sozinha, afinal desde que se mudou para a pequena cidade de Swoon sua vida  realmente não está repleta de grandes acontecimentos.  Poderia ser muito pior  se ela não tivesse Pen, sua prima loira- linda- legal e popular,  seu jeito meio arisco da cidade grande poderia ser um grande empecilho para conseguir amizades em uma comunidade aparentemente "perfeita".  


Tudo estava ocorrendo na tranqüilidade - ou melhor tédio – típica de uma cidade do interior, e se não fossem as aparições de sua amiga Ruby ela poderia ser considerada uma garota normal. Até que numa tarde sua prima Pen decide subir na grande arvore que fica na praça principal da cidade, e lá  Dice  e Pen vivem uma experiência sobrenatural (não que Pen tenha percebido). Dice tem uma visão de um passado distante, e naquela mesma arvore um jovem (muito bonito por sinal) tinha sido enforcado por um crime que ele diz não ter cometido.

A partir de tal acontecimento bizarro Pen começa a ficar estranha, às vezes  parece que tem dupla personalidade. Dice descobre então que o tal moço bonito - e morto há mais de dois séculos - está possuindo o corpo de líder de torcida da sua prima.  E toda vez que  Sinclair assume o controle - e faz coisas absolutamente malucas -  Pen não se  lembra de nada.
Apesar de não ser exatamente um bom moço,  começa a surgir certa atração entre Dice e Sinclair.  Sim, é difícil de imaginar como  ela pode se sentir atraída por um espírito que está possuindo o corpo de sua prima, mas na realidade do livro toda vez que ela toca  na prima em quanto ela está possuída ela vê na realidade o corpo do gatão, então é um pouco bizarro mas é explicável.

Dice sabe quem Sinclair não é um espírito bom - basta pensar nas confusões que ele cria - mas mesmo assim não consegue resistir, e assim aceita fazer um ritual que promete tirar Sinclair do corpo de Pen. Mas seu plano infalível sai completamente errado.  Afinal o que  se passava pela cabeça de uma protagonista  inteligente quando ela achou que  um ritual proposto pelo próprio espírito pudesse dar certo?

Depois do tal ritual, Sinclair - agora assumindo o apelido que lhe serve perfeitamente Sin (pecado em inglês) - aparece em carne - osso e gostosura em pleno século 21. E não, o plano dele não é  viver feliz para sempre com Dice, mas sim querer vingar  o crime pela qual ele  pagou injustamente,  e por isso toda a cidade de Swoon irá pagar caro.
Sin apesar de toda a maldade me lembrou dois personagens preferidos de vocês garotas.  Ele é uma mistura de  Patch  de Sussurro e  Jesse de A Mediadora.  Sabe aquele estilo de Bad Boy com sotaque do século passado? Bem assim! Único defeito é que ele é realmente mal, claro!

Aos poucos a pequena cidade de Swoon vai saindo dos eixos, culpa do seu ilustre e charmoso novo morador.  Pense em catástrofes, orgias, adultério? Tudo culpa do plano  maligno de Sin  que quer a todo custo se  vingar de cada família que teve importância na sua acusação.
Agora imaginem o drama: uma cidade antes pacata  repleta de loucuras a cada esquina,  nossa protagonista  repleta de conflitos internos. Ela  quer parar com todo esse mal causado por Sin, mas mesmo  assim continua  apaixonada pelo bad-bad-boy.

A premissa de Swoon é muito original,  sua protagonista é muito divertida ( ela tem tiradas inteligentes super hilárias ) e eu gostei bastante da história, ou seja, seria uma mentira dizer que não aproveitei a leitura,  mas não posso deixar de comentar que a narrativa  tem  suas  falhas que vão desde a construção  dos personagem  até aquelas lacunas em branco  que te deixam com a pulga atrás da orelha.  Fiquei colada no livro até o final, esperando que todas as questões  não resolvidas fossem explicadas, mas definitivamente coisas de mais ficaram no ar.

As que mais  me irritaram profundamente foram (por exemplo):
- Sabemos que Dice tem dons paranormais, mas em nenhum momento sabemos  ao certo quais e quantos  eles são. É o tipo de informação fundamental para entendermos a personagem, e a ausência de uma explicação mais explicita dá a entender que a autora quis deixar  a correnteza ir levando. Do tipo: "Vou falar que ela tem dons, mas não vou explicar,  assim  qualquer loucura que eu  quiser fazer  que ela faça durante o livro pode ser facilmente engolida".
- Se  Sin era o golen (ser mitológico criado do barro que tem que obedecer ao seu criador) de Dice e tinha que seguir suas ordens porque ela não o chamou ao invés de ficar esperando na casa com  o cara mal encarado? Alias isso foi o que mais me incomodou, uma hora  Sin era obrigado a seguir suas ordens, noutra ele diz que  se rebelou e não precisa seguir e mais adiante volta atrás e  a segue novamente.  Decide homem!!
-Qual  diabos era o papel da Pen naquele triangulo?

No entanto, entendo que outras coisas foram deixadas de lado  para criar aquele suspense, do tipo: Se essa autora não explicar  isso rapidinho eu juro que vou ler spoiler na internet!!
Fiquei corroendo de curiosidade para saber o motivo que Ruby a amiga de  Dice ficar aparecendo para ela e principalmente o motivo de sua morte.   E quando eu já estava quase desistindo de saber  o que tinha acontecido (faltavam 10 paginas e nada da explicação) ela foi finalmente foi bem explicada.  Infelizmente o personagem, que era sem duvida uma das mais divertidas, não foi bem desenvolvida. E além de uma dica  ali nada mais ela fez para tentar ajudar ou avisar sua  amiga.

Mas nada supera o final totalmente clueless (sem pistas)! Se Nina pretende de alguma forma fazer uma série aquele final tem sem duvida  um gancho, mas se ela  não pretende dar continuidade a história o final é simplesmente  frustrante ( leia o PS no final da resenha).  Um livro com tantas reviravoltas não pode terminar sem algumas explicações básicas .  Swoon acabou ficando   apenas no que aconteceu e ponto, o motivo que é bom nada. Como já comentei:  Se fosse uma série tudo bem, mas desse jeito não João!

Eu sei que esta resenha está saindo um pouco grande de mais (até para os meus padrões), mas   tenho meus motivos. A leitura para mim foi uma cheia de altos e baixos. Uma hora eu estava vibrando de empolgação e não conseguia parar de virar páginas e outra dava de cara com aquelas passagens What a F#$%!
Terminei Swoon com aquela sensação de estar repleta de perguntas sem respostas, o que acaba te indignando um pouco, mas nem por isso nego o quanto me diverti pelo meio do caminho.
Swoon é no final das contas um livro legal, mas que poderia ter sido muito-muito mais!

Ps: Graças ao aviso da Lygia, fui verificar  no twitter da autora, e SIM vai ter uma sequencia de Swoon, então retiro o que eu disse sobre o final.  Tem gancho - te deixa curiosa- e vai ter sequencia ponto ^^

Swoon
Nina Malkin
Galera Record
358 páginas
ISBN: 978-85-01-08903-8

28 comentários:

  1. Uma coisinha. O Lost tá abrindo beem mais rápido agora! Esse visual tá impecável, não canso de entrar aqui e ficar admirando rsrs

    Sobre Swoon, como não li, não poso falar nada, é só que as opiniões das resenhas que estou lendo, são parecidas, e estou começando a ficar com um pé atrás, mas mesmo assim a curiosidade persiste rsrs

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Sombria? Quase demoniaca?
    Ju desanimei agora. Li tudo e acho k esse foi o post mais longo do Lost, achei que a historia tinha outra narrativa, e tinha outras expectativas.
    K pena!!! Seu post ficou perfeito apesar do livro ter me desapontado. Parabéns!
    XOXO, da Lisse

    ResponderExcluir
  3. Bom, parece mesmo ser um livro meio bizarro, mas bizarro do tipo que eu posso gostar. Estou curiosa pra ler Swoon, agora é ver quando dá pra comprar.

    :*

    ResponderExcluir
  4. Seu layout ficou lindo. Eu li no twitter q vc o estava mudando. Adorei.
    Esse livro parece ser legal, apesar de eu ainda não ter lido toda a sua resenha. Mas gostei do início, é bem do jeito que eu gosto, misterioso. E eu tbm vi no twitter q vc estava achando q a autora meio q viaja, mas só vou descobrir isso quando eu ler o resto. Ai te digo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Ju, achei essa história de espírito meio estranha. Confesso que quero ler mas fico achando que talvez eu não goste.
    Bjs
    Luka.

    ResponderExcluir
  6. Oi td bem?
    Eu estava super ansiosa com esse livro,porém agora fiquei intrigada,afinal se o livro terminar da forma como vc falou,sem uma explicação acho que ficarei desapontada...
    Só nos resta esperar para ver se a Nina irá continuar =)
    Adorei o novo look do blog
    bjs Nati

    ResponderExcluir
  7. tem selinho la pra vc no meu blog bjs. passa la !!

    ResponderExcluir
  8. ADOREI a ideia da história. Mas não vou ler, não vou mesmo! Foi bom você ter avisado que o livro termina de um jeito frustante, porque já tô bem vacinada com essa Nina Malkin, ela termina - na verdade não termina - o Confissões De Uma Banda 2 de um jeito RIDÍCULO, deixando todos loucos pra saber que que acontece e e e e... Diz que não vai escrever outro! Me revolto! Não vou correr esse risco denovo, apesar de a história me parecer muuuuito atraente, AII, não resisto a um bad boy! :]

    ResponderExcluir
  9. Confesso que estou curiosíssima para ler Swoon.
    E sim, no twitter da Nina Malkin (@SwoonAuthor) ela confirma que vai haver continuação.
    Vou ler e ver o que eu acho. Estou com um pé atrás mas a curiosidade persiste.

    ResponderExcluir
  10. Poxa, e eu que pensei que seria mais legal.
    A capa é tão linda mais acrdito que valha a pena ler sim.
    amei a resenha ju, ficou mega pefeita.

    ResponderExcluir
  11. To com muita vontade de ler esse livrooo!!
    Eu sou do tipo que se sente atrída pelas capas!! Sei q não é certo.. mas vou sempre nas mais bonitas!! É mais forte q eu!! Claro q leio os de capa feia tmb.. não dá pra julgar pela capa, esse é meu mantra na livraria.. ahahaha

    Enfim.. esse me conquistou pela capa!! Ainda não li Hush Hush.. masss.. amo o Jesse da Mediadora.. embo o Sin seja do mal.. tenho certeza q vou gostar!! Eu tenho esse lado de amar vilões!! EEe.. adoro protagonistas com tirada inteligentes!!

    Resumindo.. esse livro tem a medida certa pra mim!! XD
    To morrendo pra ler.. ahahah..

    Vai rolar promo dele? XD

    Beijinhoo

    ResponderExcluir
  12. Erro de digitação hein? :P Posso***

    ResponderExcluir
  13. A hostória chamou minha atenção mesmo por esse lado mais 'sombrio', mas romances sobrenaturais mal explicados são horríveis né? As coisas têm que fazer pelo menos um pouquinho de sentido (lembro das profs. de literatura gritando "verossimilhança") pra eu me envolver. Vai ficar pra "quando der" rsrs

    ResponderExcluir
  14. Aiii mais série nãoo!!! Tô doida pra ler Swoon, só que tenho ouvido - e lido - muitas pessoas reclamando dessas falhas que você citou, mas confesso que continuo hiper curiosa.

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  15. Juliana! O site ficou LINDO! Lindo, lindo, lindo, lindo!
    Os quadradinhos no fundo, as mocinhas do desenho (a do meio parece MESMO com a Penny!), o layout, tudo!

    Sobre Swoon, bom, eu não estava com vontade de ler. Pensei: ah, deve ser mais uma história sobrenatural... E não me chamava muita atenção. Mas eu ficava pensando "não! Vou dar uma chance!". Agora, pelo menos, sei que não preciso mais ficar com aquela pressão pra dar uma chance ao livro. Tenho muitos outros na minha lista e tenho certeza de que, se não tivesse lido a sua resenha, uma hora ele ia acabar tomanbdo o lugar de algum outro que eu queira muito. Obrigada!

    ResponderExcluir
  16. Já comprei o meu exemplar se Swoon e já ta no correio =)
    Adorei o Layout novo, ficou lindão!

    ResponderExcluir
  17. O garoto parece mistura do Jesse de A Mediadora ? tenho q ler esse livro *-*, tinha ficado triste em saber q não teria sequencia, mais dps do P.S.
    tooo super curiosaaa.
    Obrigada pelas dicas de leituras e expressar sua opnião, as vezes deixa mais claro o livro ^^.
    Bjus

    ResponderExcluir
  18. Ah, eu quero leeer! A gente ganhou, a Bell já leu e a Lari tá lendo, mas depois eu vou conferir, porque parece ser muito tosco (tenho uma atração por coisas toscas) e a Candice deve ser muito engraçada. Gods, o apelido dele é Sin, só eu acho isso o cúmulo da breguice? (junto com o Patch chamar a Nora de anjo)

    ResponderExcluir
  19. Estou animadíssima para ler esse livro! Acho que vai ser mais uma na minha longa lista de séries com temas sobrenaturais! Óbvio que foi impossível não lembrar da série A Mediadora, mas depois que vi a sua resenha, percebo que as semelhanças são pequenas!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oie!! Seu blog é lindo e voce super inteligente e de bom gosto..parabens.
    Gostaria de saber aonde voce compra titulos em ingles?? preço.. essas coisas... to querendo comprar, vi os seus no fickr!!!
    Beijossssss
    meu email: halinebarroso@yahoo.com.br
    Te sigo no twitter tamebm: @halinedasilva

    ResponderExcluir
  21. Ei Ju,

    Até eu fiquei com altos e baixos a respeito do livro só de ler a resenha rsrs, primeiro pq adorei o mote e o enredo, bem original. Mas por outro lado eu odeio coisas sem explicação. Acho que vou passar por enquanto rs

    bjoo

    ResponderExcluir
  22. Nossa,ficou grande mesmo a resenha, mas imprescindível as suas explicações.Me interesso por esses temas de paranormalidade, e deu muita vontade de ler o livro. Bjo

    ResponderExcluir
  23. Desde q eu li a resenha no site da Galera record estou curiosa para ler esse livro. Gosto de coisas assumidamente bizarras... rss, mas falta de explicação tb me desanima. Mas... se terá continuação, pode ter sido proposital, não?
    Espero...
    Bjos

    ResponderExcluir
  24. Eu estou louca pra ler esse livro... *-*

    Muito legal a sua resenha, Jú... e os pontos ressaltados por você também são muito legais, e vão ajudar bastante quem ainda vai ler! Acho que algumas lacunas vão ser explicadas na continuação (pelo menos foi o que fiquei sabendo!)... tomara, né?! ^^

    Beijos, Jú!!

    ResponderExcluir
  25. Nossa Juh que resenha ENORMEEE! :O

    Então a história do livro é até legal e eu estou com um pouco de vontade de ler, mas depois que você disse essas coisinhas frustantes do livro, vou retardar a minha leitura huhuhu!

    Bjos

    ResponderExcluir
  26. Olá!!!
    Eis q eu estava na net procurando opiniões de leitores a respeito desse livro, e achei o seu blog.
    Adorei sua resenha apesar de ter ficado meio frustrada.
    Comprei esse livro meio q na sorte, me interessei, mas dps de ler sua resenha fiquei meio assim... de qualquer forma eu já comecei a ler e estou no começo ainda. Já tinham me falado q ele era esquisito. Mas apostei no romance e no mistério, mas parece q tem mistério, mas quase nada de romance né!?
    Enfim, vou ler até a metade, se não gostar eu troco.
    Obrigada pela opinião.

    7 de julho de 2010 23:51
    Olá!!!
    Eis q eu estava na net procurando opiniões de leitores a respeito desse livro, e achei o seu blog.
    Adorei sua resenha apesar de ter ficado meio frustrada.
    Comprei esse livro meio q na sorte, me interessei, mas dps de ler sua resenha fiquei meio assim... de qualquer forma eu já comecei a ler e estou no começo ainda. Já tinham me falado q ele era esquisito. Mas apostei no romance e no mistério, mas parece q tem mistério, mas quase nada de romance né!?
    Enfim, vou ler até a metade, se não gostar eu troco.
    Obrigada pela opinião.

    ResponderExcluir
  27. Olha,quando eu comecei a ler as resenhas,eu gostei e quis comprar,só que entao eu fiquei com uma 'pergunta' e se eu não gostar? mas ai eu acabei comprando.
    Apesar de ter sim momentos que te deixam com raiva e frustrada e no final eu chorei muiiiito, eu achei o livro bizarramente bom. E,sim acho que ela viaja legal na escrita.

    ResponderExcluir
  28. Descobri esse livro muito tempo atrás e fiquei com muita vontade de ler. Quando finalmente comecei, não consegui chegar nem na metade. Achei o livro bem chato, não prendeu minha atenção por isso acabei desistindo.

    ResponderExcluir

Um lugar para se discutir sobre a literatura conhecida como Chick–Lit. Romances, leves, divertidos e charmosos, que são o retrato da mulher moderna,inteligente e audaciosa. Resenhas e entrevistas exclusivas!


Regras
- Comentários Anônimos não serão publicados nem respondidos.
- Não faça propaganda de blogs/sites nos comentários.
- Não peça parcerias pelos comentários, use o Formulário.
- Comentários ofensivos e preconceituosos não serão aceitos.
- Respostas sempre nos próprios comentários.

Os comentários dos leitores não refletem a opinião da autora do blog, e são de responsabilidade exclusiva dos mesmos.