segunda-feira, 23 de agosto de 2010

A Pílula do Amor de Drica Pinotti


É tão bom falar de um ótimo chick lit brasileiro que eu mal sei como começar.  Talvez falando que talvez vocês já conheçam a autora Drica Pinotti da famosa série "De menina a mulher" ou de sua coluna na revista Yes!Teen. A Pílula do amor é o seu primeiro chick lit voltado par a um público um pouco mais adulto, recém lançado pela Editora Prumo.

A história não poderia ser mais original.  Vocês conhecem a doença chamada hipocondria? (aposto que sim!) Mas para quem não sabe é aquela quando o "doente" acredita ser portador das mais diversas e pouco prováveis doenças.

Pois bem, a protagonista Amanda é acometida deste mal, e sua vida gira em torno das enfermidades que ela imagina possuir. Sabe aquela tia, vizinha, ou no meu caso minha mãe, que adora sair diagnosticando todo mundo e vendo sintomas onde não existem? Multiplica isso na 10° potencia que você vai conseguir imaginar a rotina de Amanda. 

Uma simples ressaca vira uma cirrose, uma mordida de cachorro vira caso para ser levada de helicóptero para o hospital. Alias é com a tal mordida que ela conhece Brian, um vizinho super fofo. 
Mas será que Brian está pronto para entrar nessa rotina pra lá de maluca de Amanda? Porque ela é simplesmente campeã de afastar candidatos dado suas crises nervosas, isso é um fato.

O livro apesar de ser de uma autora brasileira, se passa em Nova York, onde a Drica mora atualmente. A narrativa de A Pilula do Amor é simplesmente perfeita, e definitivamente o livro deveria vir com um aviso na capa:

"Não leia em público, pode causar constrangimento!"

Sério! Faz tempo desde que li um livro tão engraçado e divertido, e que mesmo assim não deixa de tratar de um assunto super sério.
Amanda apesar de todas as neuroses sabe que tem uma doença, mas simplesmente não consegue parar com suas paranoias sozinha. E é ai que entra Brian de mansinho. 
Garotas ele é simplesmente apaixonante! E se eu já não tivesse marido ia querer um Brian para mim, com cachorro assassino (adjetivo da Amanda) e tudo!

Li o livro praticamente de ma vez só, e tenho que fazer um trocadinho tosco "ele foi um santo remédio". Sabe quando você está naquele mau humor gigantesco que nem você se aguenta mais? Aliado ainda a danada TPM e a um stress familiar?  Eu tava assim! Mas em poucas paginas eu já estava rindo a beça. Por isso adoro escolher a leitura certa no momento certo. 

A capa é outro trabalho perfeito à parte, e apesar de me lembrar muito a capa de L.A. Cady, achei muito linda.  Alias todo o trabalho de diagramação do livro é muito bem organizado. Todas as paginas tem um desenho muito fofo no rodapé.  Neste quesito devemos dar os parabéns para as editoras nacionais que estão dando um show.  Eu sei que toda vez eu falo isso, e que sou considerada "a maluca das capas" mas  um livro com a capa bem feita já me dá vontade de sair lendo antes mesmo de ver a sinopse. E não é a besteira de julgar pela capa, mas certamente uma primeira boa impressão faz muita diferença, principalmente  para um leitor pouco pró-ativo.

Definitivamente Amanda entrou para o meu time de  heroínas hilárias do chick lit, fazendo frente a muito livro "famosão". E o melhor de tudo? A Drica já comentou no seu twitter que devido ao sucesso do livro (que na bienal deve ter vendido como água) que a Editora Prumo já deu carta verde para ela começar a escrever uma sequencia para a história de Amanda \o.

Agora só resta esperar que seja tão bom quanto esse que merece de longe as 5 estrelas do rating.

A Pílula do Amor
Drica Pinotti
Editora Prumo
279 páginas
ISBN 978-85-7927-087-1






Sabe o que é mais legal?
TEM PROMO! 
 
Quando a autora me mandou o livro, recebi junto dois kits promocionais contendo uma pulserinha linda e o marcador de A Pílula do Amor. 
Sei que muitas meninas não conseguiram ir na Bienal comprar o livro e ganhar os Brindes então hoje darei duas chances de ganhar esse mimo.
A Promoção encerra dia 05/09.


1° Kit:
A primeira delas é comentando nesta resenha. Eu sei isso é algo inédito, mas o livro é tão bom que eu gostaria que vocês falassem o que acharam do livro e se tem vontade de lê-lo. Sem contar que é legal dar uma chance para as leitoras que sempre deixam seu carinho no formulário de comentário. De preferência façam comentários construtivos e com carinho sabe?  Se eu receber comentários tipo "que legal" "eu quero" essa vai ser a primeira e ultima tentativa nesse estilo. 
Não esqueçam de deixar o email para contato e que precisa ser seguidor do Lost ^^

2° Kit:
O sorteio do segundo kit será no Twitter, atravez do sie Sortei.me. Basta re-twettar a frase e seguir os profiles do lost (@lostinchicklit) e da Drica Pinotti (@dricapinotti). Vale comentar que tem outra promo para quem seguir o profile da Drica rolando, então não deixem de passar lá para ver!
A Frase:

Siga+RT em @Lostinchicklit e @dricapinotti = #sorteio  do Kit A Pílula do Amor 23:00 do 05/09 http://migre.me/16VM8

 ATENÇÃO:
-Para que seu tweet seja contabilizado o seu perfil não pode estar com a opção de perfil protegido, então fique de olho e desabilite-a para participar.
-O sorteie.me também só  registra  a primeira participação do usuário, independente de quantas vezes ele re-tweetar a frase.
- Para o tweet ser contabilizado devera conter o link completo do migre.me
- Os sorteados que não forem seguidores do @Lostinchicklit e @dricapinotti serão desclassificados!


Não deixem de visitar o Site da Drica, adicionar o Pílula no seu Skoob e acompanhar as atualizações através do twitter!

97 comentários:

  1. ai amiga esse livro parece ser ótimo, eu queria tanto lé-lo. adorei sua resenha como sempre vc arrebenta. agora eu tenho que ir correndo comer e ir pra faculdade. Nossa a capa dele é tão linda. né? aiiiiiiiii eu quero, eu quero!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. P.s: "Não leia em público, pode causar constrangimento!" amei essa parte, rindo alto quando eu li.

    ResponderExcluir
  3. Uau, parece muito legal!!!
    Vou ser sincera: sempre tive um certo preconceito com literatura nacional porque tinha aquela obrigação na escola de ler "Machado de Assis" e tudo o mais...
    Eu sei que eu sou fã de André Vianco e pronto. Era o único autor nacional que lia mesmo. Os outros pareciam meio, não sei explicar, copiadores do estilo americano.
    Então comecei a ler Amores Incertos de Roberta Polito e estou amando. Acho um pouco estranho ver os nomes brasileiros, sem os Thomas, John, Richard e tal... hehee
    Agora quero ler "A pílula do amor" pra acabar de vez com esse preconceito que tenho, ou tinha não sei!
    Parece super legal, adoro livros que me fazem rir, estilo Marian Keyes, sabe??

    Gostei da resenha!! *-*

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. To mundo tá falando tão bem desse livro, né? Eu já comprei o meu na bienal (mas não ganhei pulserinha nem marcador, rocco malvada!)
    Quero ler logo, o livro fica piscando para mim da minha estante e pedindo para mim passar ele na frente do outros.
    Isso sem falar da capa liiinda!

    ResponderExcluir
  5. que lindooooo... quero ler!!!!
    e melhor de tudo, NACIONAL!!!!

    como sempre... ótima resenha!!!

    bjxx

    ResponderExcluir
  6. Oi Ju!
    Gostei da tua resenha do livro, fiquei com mais vontade de ler! Sinto que me identificarei com a Amanda... A capa é mesmo parecida com a de L.A. Candy né? Mas nem importa muito! :)

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. A Drica é uma querida, o meu tá lindo e autografado: e esperando a vez, né... coitado! Ô fila! hahaha Beijo, Ju!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, eu posso dizer que já li resenha desse livro em outros blogs e não senti a mesma vontade de lê-lo como tive agora lendo a sua.
    Menina, que talento.

    Adorei a história e como me conheço bem também irei me apaixonar pelo Brian. haha
    Às vezes tenho medo de ler sobre doenças e ficar com paranóia. Será que meu segundo nome é Amanda? :P

    Bom, nota dez pela resenha e espero dar 10 para o livro também. Já está na minha lista!! :D

    Beijoss :*

    ResponderExcluir
  9. Confesso, que só a capa já é bastante chamativa, e vendo sua resenha aumentou ainda mais minha curiosidade e vontade de ler!!! Sério! Adoro suas indicações, que são ótimas;)

    ResponderExcluir
  10. DIVIINA SUA RESENHAA
    to hiper afim de ler o livro agora
    mais um pra minha listinha(q de pequena só tem o nome mesmo)

    ResponderExcluir
  11. Faz um bom tempo que eu quero ler esse livro.
    E a cada resenah que eu leio, a vontade so aumenta!!

    Me enche de orgulho ver uam autora nacional escrever um chick-lit que faz tanto sucesso e, como vc disse Juh, que eh levado a serio pela Editora que tpa fzer um trabalho legal em termos de diagramacao, publicidade, design... Porque, infelizmente, nossas editoras nao valorizam muito os autores brasileiros...

    Ameeeei a resenha, mesmo! Todo mundo falando que o livro eh engracado, e eu quero descobrir como a Drica transformou uma doenca serie em humor leve!! Quero mtoooo!!

    email: aluisanorte@uol.com.br

    ResponderExcluir
  12. Tenho lido tantas resenhas positivas sobre o livro que já tô pra lá de vontade de ler. Sem contar que a capa é foférrima né! E isso atrai bastante na hora de comprar. Fora que tb tenho uma pequena tendência hipocondríaca :). Se leio uma bula ou sobre uma doença já acho que tenho aquilo tudo!!! Será que existe algum remédio pra curar isso???? :D
    bjo.

    ResponderExcluir
  13. Jú, fiquei simplesmente encantada com a história.
    Bem, até me identifiquei com a protagonista hipocondríaca, e já imagino que o livro vai me arrancar risadas na certa.
    Também achei a capa uma graça, o que com certeza desperta o interesse em ler.
    E a sua resenha tá ótima, como sempre.
    ;)

    Beijokas e boa semana.

    ResponderExcluir
  14. Wooow! Estou muito afim de ler esse livro #comolidar Já estar na mnha lista há tempos, mas assim andei comprando muito livros e tal e agora só quando eu terminar de ler tudinho #argh!
    Mas, enfim, quero muito ler *-*
    Adorei a resenha, beijos ;*

    ResponderExcluir
  15. Já tinha ouvido falar. Me interessei bastante o/

    ResponderExcluir
  16. kkkkk, lendo essa resenha me lembrei da minha irmã. Só que ela não chama Amanda, mas sim Ananda e tem um pé na hipocondria, leve mais tem. Acho que vou recomendar esse livro para ela! =)

    Já tem um tempinho que quero ler esse livro, na verdade desde que você o colocou em um dos seus vídeos da caixinha no correio (ou foi em foto no twitter, agora não lembro). Desde lá sigo a autora no twitter e eis uma coisa que nunca canso de repetir, é MUITO BOM ver que a nossa nova geração de autores não deixa nada a desejar aos autores tidos como clássicos, e eu estou cada vez mais firme na decisão de apoiar e ler a literatura brasileira, minha meta agora é comprar pelo menos um livro brazuca por mês.

    "Não leia em público, pode causar constrangimento!"???

    Fiquei com medo agora, ainda mais que eu tenho mania de ler livro brigando com personagem, chorando, gargalhando...acho que corro sério risco então de passar vergonha.

    Ah e sou fanática por capas também, apesar de não comprar livro só por elas adoro uma capa bem trabalhada, valoriza o trabalho do autor! =D

    estherbio@gmail.com

    ResponderExcluir
  17. Um chick lit nacional sempre merece uma atenção especial. Só isso já chamou minha atenção para ler a resenha.

    A Pílula do Amor pode não ser um título super original, mas pior é quando o título é super incrível e a história fica devendo...

    A capa é linda. Gosto de escolher livros pelas capas, contrariando os "intelectuais" de plantão. Aliás, ler um "romance feminino" deve ser um pecado capital para a massa intelectualóide do mundo todo. E eu digo: a-d-o-r-o!!!!!!!!!!!!! É divertido, aborda assuntos sérios de um jeito leve (acabei de ler Clara Hutt e chorei, chorei com a crise no casamento, mas o livro é up, não down!). Acho até que esse é o segredo de todo bom (ótimo)chick lit: a maneira bem-humorada de abordar um assunto sério.

    Todo mundo é um pouco hipocondríaco e acha que pode ter uma doença que ninguém descobriu ainda... Ou só eu que penso isso - ih, acho que vou ler o livro!!!!

    Lila Czarnobay
    lilaczar@hotmail.com
    www.seviracom30.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Já li sobre esse livro em muitos blogs.
    Sou uma pessoa que compra livros pela capa e desde que vi essa capa fiquei doida pelo livro. Ainda mais quando descobri que ele é um chick-lit - sim, meu vício.
    Ainda não consegui comprá-lo, a coisa tá feia x.x
    Mas pretendo assim que me sobrar uma graninha.

    ResponderExcluir
  19. Adorei a resenha Ju! Eu li A Pílula semana passada e concordo demaaaais com o aviso de "não leia em público" haha! Eu resolvi levar o livro pra ler na faculdade, e as pessoas devem ter me achado doida por começar a gargalhar do nada!
    Um livro com a capa bem feita já me dá vontade de sair lendo antes mesmo de ver a sinopse +1 A capa é linda mesmo, eu só não gostei da parte lateral, achei que aquele azul não combinou com o restante da capa, nem gostei muito da fonte que usaram. Tirando essa parte, a capa é perfeita!
    Eu vi a Drica comentando no twitter que vai ter continuação, fiquei super feliz, foi o primeiro chick lit brasileiro que li e adorei a personagem!
    Email pra participar da promoção: andrade.su@gmail.com

    ResponderExcluir
  20. eu costumava ser hipocondríaca... ai desscobri os remédios fitoterápicos HAHAH e agora sou viciada neles :/
    e o fato de ser um chick-lit escrita por uma brasileira já dá a maior vontade de ler. Com certeza tá na minha listinha do "ler urgentemente"

    ResponderExcluir
  21. "A Pílula do Amor" já está na minha wishlist só na espera de que eu desafogue a fila de leituras pendentes mas com certeza é um dos que estou mais ansiosa para ler. Tenho um quê de hipocondríaca, mas ao contrário da Amanda, apesar das neuras e paranóias, eu fujo de médico com mais medo de descobrir algo errado! hahaha

    Sinto que vou me identicar com a personagem logo de cara e ainda de quebra fico mais contente ainda por saber que ele rende boas risadas. Adoro isso em um livro. E mais, né? E sem ser menos importante: literatura nacional. Que chiquérrimo! Que prestígio! Que orgulho!

    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  22. Sério. Primeiro me apaixonei pela capa, depois li a sinopse e adorei. Tô muito feliz que os novos autores nacionais estão chamando mais a minha atenção com seus livros e abrindo a minha mente... Estou deixando mais o talvez "preconceito" de lado, sabe? E, além de tudo isso, ainda tô quebrando barreiras e lendo mais Chick-Lit, haha. Não é meu gênero favorito, só de vez em quando... :P Hmmm. É a segunda resenha que leio de A Pílula do Amor e só vejo coisa boa! :) Espero que eu consigo comprar o livro o mais rápido possível... Tá no TOPO da minha lista de desejos, junto com o livro do Enderson Rafael, do Leandro Schulai e do Eduardo Spohr. Tô MUITO feliz com a "nova literatura" jovem do Brasil.

    raila.soares@gmail.com

    ResponderExcluir
  23. vou pirar se eu não ler esse livro!
    adoro chjick-lit, sempre tão divertido! Esse parece não decepcionar!
    Eu tenho que escrever isso: Eu queroooo!!! Quero muito ler!
    A capa é um charme mesmo!

    ResponderExcluir
  24. Eu to querendo mtoooo ler esse livro!!! Todo mundo fala tão bem... e ainda mais sendo de uma escritora brasileira.
    Na bienal do livro eu conheci a Drica Pinotti, conversei com ela durante varios minutos e tenho que dizer ELA É UM AMOR!! Sério mesmo, ela deu atenção pra todas as blogueiras que estavam lá com ela no encontro das psychobooks, conversou e contou as ideias de seus novos projetos. Ganhei o colarzinho de coração que vc tá sorteando e só não comprei o livro pq faltou money na bienal. Mas espero ansionsamente pela leitura do livro. Quem sabe teremos a nossa shophie kinsella ou marian keyes brasileira???

    Juu. Sua resenha me deixou com mais vontade ainda de ler o livro.
    bjo

    ResponderExcluir
  25. Graças aos blogs que pude 'conhecer' esse livro.. e a autora q é tão fofa e tão simpática pelo q posso ver no twitter... e fiquei muito interessada em ler o livro tanto pela capa.. qto pela autora.. qto pelos ótimos e positivos comentários e pela história em si.. Eu tenho certeza q vou adorar! Qse q comprei na semana passada, mas eu acabei deixando ele para uma 'próxima' vez ihihih já que eu tinha outras leituras mais 'urgentes'. Quem sabe eu não ganho na promoção antes? Rs.. curti da opção de concorrer pelo comentário tb.. mas ai faz as pessoas se sentirem 'obrigadas' a comentar.... eu nem ligo pq qdo me interessa eu já comento msm..
    Espero poder ler logo....
    beijinhos

    ResponderExcluir
  26. Uau, esse livro parece ser muito legal, to doida p/a ler...
    Cara eu tbm achei a capa MUITO parecida com L.A. Cady(q é outro q to doida p/a ler)...
    Eu confesso que eu tenho um pouco de preconceito com livros nacionais, mas estou tentando vencer isso e dando uma chance p/a nossos produtos rsrs...

    Adorei a resenha, está de parabéns!!!!!

    ResponderExcluir
  27. Uau, esse livro parece ser muito legal, to doida p/a ler...
    Cara eu tbm achei a capa MUITO parecida com L.A. Cady(q é outro q to doida p/a ler)...
    Eu confesso que eu tenho um pouco de preconceito com livros nacionais, mas estou tentando vencer isso e dando uma chance p/a nossos produtos rsrs...

    Adorei a resenha, está de parabéns!!!!!

    Nome seguidor: Karla
    e-mail: karla_ribeiro276@hotmail.com

    ResponderExcluir
  28. Preciso ler esse livro... além de adorar um chick-lit, eu confesso que sou um pouquiiiiiiiiiiiinho hipocondriaco, minha gaveta de remedios parece uma farmácia...ehehhehehe
    E depois de ler essa resenha da vontade de sair correndo e comprar....(hipocondríaca E consumista (pelo menos é só de livros, ufa)...aiaaiai) mas vai entrar pra lista dos urgentes!!!!!

    ResponderExcluir
  29. Só tem uma coisa que me incomoda: a capa é tão parecida com a de L.A. Candy! Mas todo mundo fala que é MUITO legal e engraçado :D Eu tenho vontade de ler qualquer dia :D Só que tá tão caro pro meu bolso ~;
    :* Ju

    ResponderExcluir
  30. Tá, respira. EU QUERO, EU QUERO, EU QUERO!
    Pronto já surtei, eu adoro o seu blog, acho que todo mundo gosta, não sei, mas não tem como ter uma reação diferente sempre quando eu vejo um livro novo por aqui... eu quero.
    Estou loquinha para ler, amei a capa.
    Parabens!!

    Beiijo

    ResponderExcluir
  31. Primeiro: eu sou LOUCA pela capa desse livro. É linda de morrer e me lembra o da L.A. Candy. *-*

    Dois: eu estou DOIDA pra ler esse livro, cada resenha que eu leio me deixa com mais vontade de experimentar esse universo de YA nacional.

    Se ela for metade hilária do que promete, num estilo Becky Bloom quase sem noção, tenho certeza que vou amar a Amanda. :)

    Boa sorte para todas que estão concorrendo ;D

    :*
    Juh Oliveto
    Livros & Bolinhos ~
    juholiveto@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  32. Ei Ju,

    Ai eu babei neste livro na bienal, vi a Drica no stand da Giz mas depois me perdi (eu me perdi umas 20 vezes naquela bienal hauahuahu) e não achei a Prumo aff, então ganhei a pulseirinha mas fiquei sem o livro O.O
    e agora com a resenha affff, eu quero rsrsrs

    Adorei a resenha, adoro livro que tem cachorros - mesmo que assassinos hehe - e adorei o mocinho ^^

    beijoo

    P.S: Sumida!!

    ResponderExcluir
  33. Tá todo mundo falando tão bem desse livro... e ele parece ser tão bom, que já estou louca pra ler também!! *-*

    Como sempre, ótima resenha, Jú!!

    Beijos! ^^

    ResponderExcluir
  34. Parace ser um livro maravilhoso.
    Não é a toa que todos que leram se apaixonaram pela história.
    Está na minha lista de próximas aquisições.
    email: rany_lf@hotmail.com

    ResponderExcluir
  35. Depois que conversei com a Drica na Bienal fiquei com mais vontade ainda de ler esse livro (até pq ela veio com uns spoilers sobre uma continuação, que eu me diverti hehe)
    Infelizmente não deu pra comprá-lo ainda =/
    Adorei sua resenha (só pra variar, pq suas resenhas são sempre ótimas) e gostei desse estilo de promoção :DD

    ResponderExcluir
  36. ele já está na minha lista dos desejos, no submarino! desde q descobri isso lá, todo dia coloc um livro, um horror!! daí fico toda hora fuçando prá ver se abaixou o preço!!

    ResponderExcluir
  37. Até agora eu não vi resenhas negativas desse livro o que é animador, e me dá vontade de ler, principalmente agr que eu estou no vicio de ler um livro de todos os escritores brasileiros atuais *--* Quero muito rir com esse livro, como me disseram que se dá altas gargalhadas, compraria em dois segundos mais as livrarias da minha cidade são preconceituosas e não vende um livro brasileiro legal :\ Peninha, a resnha ficou divina!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  38. Bom girls eu tinha dito a algum tempo que a capa era muito parecida mesmo com o do LA Candy...mas blz...rs
    Ja li e aprovo, muito fofo e diferente do que estamos acostumadas a ler. Fui á Bienal, ganhei brinde e um autografo no meu exemplar, tirei foto com a Drica e ela é uma FOFAAA...
    Ju, parabens pela resenha ficou boa mesmo.

    ResponderExcluir
  39. Quero ler!!! No início eu não botava muita fé nesse livro, sabe? Apesar da capa linda, eu achava o título meio... Ah, sei lá! Só sei que depois de umas três resenhas eu já tô morrendo de vontade!

    Hahaha, minha mãe também vive achando doença em tudo!
    Do jeito que eu morro de medo de cachorro, ia querer ir pro hospital também. Principalmente se fosse pra conhecer o vizinho bonitão :)

    Bjos

    (E-mail: contato@cintiamcr.com.br)

    ResponderExcluir
  40. hahaha... o bom é q os comentários aqui viraram consulta com psicólogo, todos confessando seu Q de hipocondria! Adoro!! rss
    Bom, qto ao livro, já estava louca pra ler, e sua resenha só fez piorar minha situação. Ainda mais agora sabendo q é melhor não ler em público!! rss
    Bjos

    ResponderExcluir
  41. Claro que eu quero ler!
    Olha essa capa linda, adorei.
    Confesso que tenho birra de gente "doente", que tudo é a morte, tudo dói, tudo precisa de médico. Deve ser legal ler sobre essa loucura toda.

    Tomara que ganhe. Sucesso pra autora.

    Bssss
    Vanessa Stel
    bonitasbacanas@gmail.com

    ResponderExcluir
  42. Conheci a Drica na Bienal e ela foi um amor! Adorei! O livro estava bem carinho por lá (Rocco!), então ainda não pude comprar o meu. Mas quero ler, definitivamente! Pra ver como é destino, logo depois acho o livro no aeroporto hahah mais caro que na Bienal, então continuo sem!
    A capa é linda e a Drica explicou a coincidência com a de L.A. Candy!
    Anyway, adoro seus posts e resenhas! =*

    @babidewet

    ResponderExcluir
  43. Aiiiiiii, eu tô louca pra ler esse livro! Estou aumentando o número de livros escritos por autores brasileiros na lista hahaha.
    Já li várias resenhas falando super bem, a sua inclusive - que eu adorei! você escreve de um jeito super legal -, pessoas no Twitter comentando e tudo!
    Não conhecia o livro L.A. Candy, mas realmente, a capa é super parecida...
    Também sou louca assim por capas, Ju. E as vezes eu realmente julgo um livro pela capa, sei que isso é errado, mas um livro tem que chamar atenção das pessoas de todas as formas; sinopse importa, mas pra mim, a capa é que faz o maior "trabalho".

    E-mail: gabisinhaos@hotmail.com

    Beijus, Ju! :*

    ResponderExcluir
  44. Oi!

    Depois de ler FMF1 e FMF2 da Paula Pimenta (e esperar com muita ansiedade o 3) comecei a superar o preconceito que eu tinha com autores brasileiros.
    E dando de cara com uma capa tão bonita e chamativa e com um gênero que gosto tanto (chick-lit) como não ficar interessada na história (sem contar a sua resenha, claro :D)?
    Adoro livros que tenho vergonha de ler em público (ou pq vou rir d+, chorar exageradamente ou até pq tem umas partes bem 'hot'- aquele tipo de leitura em que tenho que abrir o livro num ângulo de no máximo de 90º para evitar os olhares alheios:P)

    Sabe, eu era meio Amanda (rs). Minha mãe sempre dizia que eu deveria chamar das Dores...kkk E lá em casa eu sempre consultava o 'Doctor Google' e me auto diagnosticava (mas não me auto medicava, viu?!)

    Eu preciso!
    Porque a minha doença não é hipocondria e sim compulsão! Mais um para eu adquirir :)

    Bjins,
    Luciana.

    ResponderExcluir
  45. Olá...nossa adorei sua idéia sobre os kits...fiquei mto interessada na leitura...mas achei mto legal "Não leia em público, pode causar constrangimento!"..hahaha...já me vi rindo....tanto que já chorei, ri e até discuti com livro..haha...o pior que foi no meu trabalho...um pequeno surto literário..haha...e já que moro mto longe da "capitar", o que dificulta a ida à bienal (até rimou..haha) não poderia deixar de me arriscar na oportunidade.....principalmente por ser um estilo literário ainda desconhecido p/ mim.....bj

    (garcia.adt@gmail.com)
    (

    ResponderExcluir
  46. Olha, eu não sou hipocondriaca não, mas conheço algumas pessoas que são assim, e as vezes é tanta neura que a gente acaba ficando neurótico. Gostei muito da resenha, fiquei com muita vontade de ler. Realmente a capa está linda, estão de parabéns. É bom ver que livros de autores brasileiros estão sempre prestigiados, afinal, temos que ter orgulho de nosso país e nossos artistas e profissionais. Confesso que eu adoro quando um personagem se encontra com o vizinho/a. E gosto mais ainda se o livro faz a gente dar boas risadas. Eu leio muito em ônibus, rodoviária, etc... e é incrivel, as pessoas sempre acham estranha alguém que está lendo e rindo, acho que elas não tem noção de como um bom livro pode curar nossas dores ou nos dar ânimo no final do dia.

    Beijos

    ResponderExcluir
  47. Juu!
    Eu acho q eu nunca fiz um comentário no estilo 'que legal' HUAHUA xD
    Desde q eu vi os comentários da Pâm, eu fiquei com vontade de ler esse livro!! Deve ser TÃO funny!!
    Quando eu o vi na livraria, eu tb peguei pra folher e OWN achei essa capa tão fofa!!!
    Pela sua resenha, o jeito da Amanda me lembrou um pouco o jeito da Becky - de transformar uma coisinha em um evento do ano! HUAHUAHAUH
    Adoreii, ótima resenha como sempre! :)
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  48. Ai, já é o terceiro blog que vejo falando sobre esse livro.
    De primeira nem boteui muita fé, mas ele parece ser ótimo. È bom demais uma leitura simples e que te faz rir, mesmo que seja de assuntos sérios, acho que isso vale demaaais.

    Olha, não sei não, mas provavelmente vou ficar desejando um Brian em minha vida HSOIAHSOIUA

    Tô louquinha pra ler *-*

    beijooos

    ResponderExcluir
  49. Muito interessante, gostaria de ler! Quem não conhece alguém assim, eu conheço várias.

    niquesb@gmail.com

    ResponderExcluir
  50. Eu quero! ^^
    Já participei de umas três promos para ganhar "A pílula do amor" e ainda não consegui... :'(

    beijinhos :*

    e-mail: endryelle@gmail.com

    ResponderExcluir
  51. Adoro o jeito como você apresenta a história e os personagens...
    Adorei a história do livro....
    Morri de vontade de conhecer a Amanda e o Brian e rir com eles....

    Bjoos

    ResponderExcluir
  52. Esse livro deve ser muito bom e super romantico ,a minha cara se eu ganhar vou gostar muito !
    seguidora:thais
    email:thaispilotto@oi.com.br

    ResponderExcluir
  53. Estou louca para ler esse livro... Quero conhecer a história da Amanda! Estou com medo de termos algo a mais em comum além do nome hahaha Não me acho hipocondríaca mas não penso nem por um segundo quando sinto algo para tomar um remédio (tipo, se estou com dor de cabeça esperar um pouco antes de tomar remédio... vou lá e tomo logo). A capa é algo a parte, simplesmente maravilhosa e com certeza irei comprar =D Ahhh, e quero participar da promo!
    Já ia esquecendo... você comentou da Bienal... como eu queria ter ido e comprar meu exemplar autografado desse e de outros livros de escritores nacionais =( Quem manda eu morar super longe, e a Bienal daqui de Pernambuco é só em 2011... É mais do que um parto hahaha
    Bjs
    @mandynha_PE
    mandynha_pe@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  54. Nossa, fiquei louca para ler este livro! pena que onde eu moro so pela internet mesmo, nem adianta ficar desesperada!
    Adoooro dar risadas com livros e parecer uma doida varrida kkk

    ResponderExcluir
  55. Fiquei com vontade de ler o livro.
    Faz tempo que eu não sei o que é amar.
    Ou melhor, não sinto o que é amar...

    ResponderExcluir
  56. Adorei a resenha!Já tinha lido sobre a história e me interessei bastante!Gostei dos seus comentários...as vzs qdo estamos estressadas um bom livro ou filme ajuda bastante :D
    Muito bom achar um livro engraçado e inteligente!Já estou bastante curiosa!
    Ah e concordo!a capa entra muito no meu conceito!às vzs paro d ler e fico admirando a capa!hehhehe adoro detalhes e desenhos!xD
    Já twitei e estou participando :D
    twitter: @lariboutme

    ah, uma pergunta indiscreta, vc tem marido??? que idade tu tem? (parece tão nova!quero dizer, minha idade, eu imagino!)


    Beijos e boas leituras!!

    ResponderExcluir
  57. Gennten adorei e concerteza quero demais!!!!Esse livro tá me chamando....caiu do ceu pra mim que to precisando de um pouco de risadas...kkk! Além do que meu niver é em setembro....e que melhor presente eu poderia receber se naum fosse esse livro! kkkk
    @amanda_crys
    amandacrys_23@hotmail.com

    ResponderExcluir
  58. Olá,
    Sempre gostei de ler, especialmente romances. E se for aqueles que vem acompanhados de uma boa dose de humor...Eu diria que é a fórmula certeira para cativar a nós leitoras.
    Eu sempre gosto de escamfrunhar as páginas de livrarias na net em busca de alguma novidade.
    Então, ontem a tarde me deparei com a Pílula do amor, e assim que eu vi a capa dele eu disse a mim mesma: Eu tenho que ler esse livro!
    Quando, li a sinopse nao me dei por satisfeita e fui em busca de blogs que comentassem mais a respeito do livro...Então, encontrei este, Ju.
    E quando, terminei de ler a sua resenha, eu tive certeza de uma coisa: EU PRECISO TER ESSE LIVRO! EU PRECISO LER A PÍLULA DO AMOR!
    Pois, tenho certeza que essa estória promete ser esplendorosamente, maravilhosamente, encantadoramente divertida,deliciosa e hilária.

    Luisacarolinecarvalho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  59. Oi Jú!
    Sou nova no blog, descobri por acaso lendo um site parceiro, o Sobre Livros. Fiquei encantada com o blog! Primeiro pela aparência maravilhosa, meu mundo é cor de rosa =P, amei total. E depois porque você escreve lindamente, deixando uma super vontade de ler todos os livros. E não foi diferente com A Pílula do Amor. Fiquei doiiiida para ler, e adoraria ganhar o livro.
    Sucesso para você! Beijo, beijo!

    ResponderExcluir
  60. ola
    achei o livro lindo e o titulo me chamou a atenção, certamente eu iria pegar pra dar uma olhadinha em uma livraria.
    Sem contar que a autora é Brasileira, isso ja é super demais!!
    lendo a sua resenha me interessei em ler o livro, ainda mais sabendo que a amanda conheceu o rapaz por causa da mordida do cachorro...haah é muito legal essas coincidencias.
    espero ganhar o livro para poder me deliciar na leitura!
    beijos
    e bom proveito pra quem ganhar
    ;)

    vou deixar meu email
    drigermano@gmail.com
    adriana santos

    ResponderExcluir
  61. A história é o tipo que me cativa e eu tbm sou meio hipocondriaca, então acho que eu ia adorar ler!

    Meu e-mail: thamirescattyta@gmail.com

    ResponderExcluir
  62. Eu conheci esse livro na Bienal e inclusive conheci a autora, que é mega simpática! Infelizmente nos desencontramos e não consegui passar na Rocco para comprar um livro e pedir um autógrafo! Esse livro já está na minha lista de aquisições para o mês que vem e tenho certeza que vou amar!!
    É tão bom ver autoras brasileiras fazendo tanto sucesso com o Chick-Lit!!
    Amei a resenha
    Beijos
    Camila - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  63. Achei a capa lindíssima e parecida com a LA candy que estou morrendo de vonte de ler!!
    Enfim, parece uma versão brasileira e por isso fiquei muito curiosa!!!

    e o kit é lindooooooooooooo!!!!!!!!!!

    eu quero!!!!!!!

    meu e-mail: tmello87@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  64. Hey ^^

    Tenho q concordar com vc a capa é linda e chama muito a atenção de todos.
    Vc resenhou de como o livro soa engraçado, sem dúvida fiquei com mais vontade em ler a estória de Amanda e Brian.

    Xoxo

    ::Loma

    ResponderExcluir
  65. Quero muito ler esse livro,tem muita gente que já leu e fala super bem dele.Que bom que a literatura nacional está tendo o devido destaque no nosso país!
    A capa é linda,lembra muito a capa de LA Candy da Lauren Conrad!

    ResponderExcluir
  66. Louca para ler. Eu tinha preconceito com literatura nacional, mas parei com isso depois de ler "A Caçadora"(Vivianne Fair *-*) E como esse parece ser engraçado(rsrs), eu queria muito ler. Achei a capa linda *-* Amei a resenha *-*

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  67. Não me considero uma hipocondríaca, mas admito, sou viciada em alguns remedinhos básicos e simplesmente não vivo sem eles. Quando li a sinopse do livro e depois a sua resenha, não deu em outra, quis ler o livro imediatamente.
    Sei que vou gostar da Amanda, adoro personagens espirituosas, e como até hoje não li nenhum livro que tivesse uma protagonista hipocondríaca, "A pílula do amor" se tornou um objeto de desejo para mim. As situações e confusões nas quais ela deve se meter devem ser realmente hilárias e já sei que os sorrisos que a leitura desse livro irá me proporcionar valerão mais que qualquer remédio.
    E a capa? Simplesmente linda, só por ela a vontade de ler o livro já bateu...
    Bjs
    madelinemed@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  68. Quero muito muito muito ler esse livro *-*

    talita_forro_sertanejo@hotmail.com

    ResponderExcluir
  69. Eu tenho meio que tara por livros com capas bonitas. Claro que já me decepcionei ( ora, não julgue o livro pela capa ), mas as vezes um bom trabalho te dá mais animo e expectativa para ler.
    Acho legal também os livros nacionais ( mesmo que esse se passe em NY ), acho que dá uma chance de conheçer novos autores OTIMOS , porque o Brasil tá cheio deles né ?
    e ah, amei esse "Não leia em publico", me lembrei do constrangimento de ler Marley e eu em um consultorio médico.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  70. Tá, respira. EU QUERO, EU QUERO, EU QUERO!
    Pronto já surtei, eu adoro o seu blog, acho que todo mundo gosta, não sei, mas não tem como ter uma reação diferente sempre quando eu vejo um livro novo por aqui... eu quero.
    Estou loquinha para ler, amei a capa.
    Parabens!!

    Beiijo

    morgado.milca@gmail.com

    ResponderExcluir
  71. Então tá, já decidi o livro que vou comprar esse mês será esse, tenho que confessar que as autoras brasileira estão dando um Show, não tenho me decepcionado em comprar os livros, amei sua resenha, como todas que vc faz, queria poder comprar todos os livros que vc resenha!!!! fiquei realmente muito interessada nesse livro.

    ResponderExcluir
  72. Opa!
    Fiquei curiosa para conhecer a Amanda.
    Gosto de livros assim, que falem sobre problemas "raros" na sociedade.
    Sonho em ser psicóloga e creio que este livro me ajudará bastante no desenvolvimento do meu intelecto.
    Bela resenha, Juh!
    Beijão!

    ResponderExcluir
  73. Ah! Esqueci meu e-mail... rs...

    Aqui está: renatinha_araujo@hotmail.com

    Beijos!

    ResponderExcluir
  74. Quero muito esse livro por dois motivos... primeiro: a capa dele é realmente linda. Segundo: já tenho um carinho forte por ele mesmo sem ter lido. A história foi a seguinte: tinha planejado minha noite de sábado com meu namorado, mas a gente acabou discutindo por causa de uma besteira minha e ele falou que ia embora. Daí eu falei: tá, mas antes vou passar na livraria. Ele não se interessa por livros, mas me acompanhou. Então estou lá eu, olhando os livros aleatóriamente quando me deparo com aquele livro da capa linda que eu tinha visto na internet. Li a sinopse e tinha a seguinte frase: "A Pílula do Amor é um romance sobre neuras, mas sobretudo sobre tolerância (...) principalmente, parar para pensar se não está levando as coisas muito a sério". Achei que tinha sido um sinal. Então humildemente pedi desculpas, ele desistiu de voltar pra casa e nossa noite foi muito divertida!

    ResponderExcluir
  75. sim, o email: julianakarla91@gmail.com

    ResponderExcluir
  76. Esqueci o e-mail: julianakarla91@gmail.com

    ResponderExcluir
  77. Fiquei bastante interessada neste livro.
    Nunca pensei em uma hipondríaca jovem. Para mim, era bem esteriotipado, sinônimo de velho(a), chato(a) e esquecido(a).
    Lendo a resenha, pude perceber o quanto, sem perceber, rotulamos coisas e pessoas; chegamos a ser preconceituosos.
    Estou revendo meus conceitos.
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  78. Já tinha visto várias resenhas deste livro, mas tinha preguiça de ler.
    Mas começei a ler a sua e amei o livro, mas o que me conquistou mesmo foi o
    "Não leia em público, pode causar constrangimento!"
    Amo livros engraçados, e que façam a gente parecer uns bobos, rindo sozinhos de um monte de folhas! hehe
    Ah, e gostaria de dizer que começei a ler o blog há uma semana mais ou menos, e ADOREI. Com certeza vou ser uma leitora assídua, beijos :*
    emil: gabirodri_@hotmail.com

    ResponderExcluir
  79. Acho que em toda família existe uma pessoa 'metida' a médico, né? Rsrs.

    Tenho visto excelentes criticas quanto a essa livro e estou louca para poder tê-lo logo. E a sua resenha só pioroou a coisa para mim, haushaushaus.
    Agora é oficial: vou ter que dar um jeito de ter esse livro :)

    Confesso que estou super feliz com o surgimento de livros tão bons na literatura brasileira.

    ;**
    @jehhmalta
    jehh_malta@hotmail.com

    ResponderExcluir
  80. "E não é a besteira de julgar pela capa, mas certamente uma primeira boa impressão faz muita diferença" Realmente, eu sempre digo isso! Não é que eu julgue pela capa, mas ela que chama mais atenção ao escolher um livro, afinal, não lemos ele ainda hehe
    Vi a comparação das capas no site da Babi Dewet, realmente, elas são beem parecidas! Mas é linda :D
    O livro parece ótimo.. Não costumo ler livros para rir bastante, mas é disso que tô precisando ultimamente hehe

    ResponderExcluir
  81. Adorei a capa do livro, muito linda mesmo.

    Não costumo ler livros nacionais mas depois de ler a sua resenha ele chamou minha atenção, parece ser bastante interessante sem contar quem é bem engraçado e divertido.

    dyanacamila@msn.com

    ResponderExcluir
  82. Nada como um livro engraçado e envolvente p/ levantar o astral, fiquei curiosa p/ conhecer esse Brian rsrs..tb gostei muito da capa.
    francielic@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  83. Eu sou MEIO hipocondríaca. Isso é péssimo e é super chato porque, por mais que eu tente, eu não consigo parar de pensar nas mil e uma coisas que eu posso ter.
    Tenho problemas no estômago, por exemplo, e tomo três cápsulas todo santo dia. É chato, mas é um mal necessário (entre tantas coisas que eu podia ter herdado da minha mãe, fui herdar justo o estômago - já perguntei pro meu gastroenterologista e ele me confirmou que o estômago é um órgão que normalmente "puxamos" o da mãe). Apesar de ser um probleminha bem pequeno, que nem chega perto de uma gastrite nem nada, eu fiquei apavorada. Tenho só um pouco de refluxo e mal funcionamento (causado, também, pelo estresse). Mas já dei muito trabalho pra minha mãezinha por causa das minhas neuras:
    - Ano passado fiz ela comprar remédio de verme porque achava que estava com alguma tênia subindo no meu esôfago. Como se eu comesse algo que me desse teníase. E era o refluxo (eu ainda não estava medicada)
    - Uma vez fiquei engasgada com uma bala GIGANTESCA e achei que tinha que ser operada, ou porque ela não seria digerida (eu viajei dessa vez, eu confesso) ou porque eu ia ficar eternamente entalada
    - Presto atenção em cada barulho e reação do meu sistema digestivo. Meu gastro até me falou pra eu ser mais "relaxada" no quesito saúde, até pra me preservar. ^^ E qual foi a primeira coisa que fiz? Não perguntei pra ele o que significava cada terminologia da minha endoscopia! (o que eu achei um grande avanço, já que tinha ido ao consultório só pra fazer as 23 perguntas listadas ao longo de uma semana - eu tinha dúvidas, ué! Não ia lembrar de tudo na hora!)
    - Eu estabeleci horários pras minhas refeições, pra conseguir dormir deitada e tranquila (tem seis meses que durmo sentada. Mas isso realmente é necessário =/)

    Tudo bem que estou parecendo uma louca aqui mas, sério mesmo, eu não sou. Só sou um pouco neurótica. ^^ E por mais que essas loucuras vivam na minha cabeça, tento ao máximo viver a minha vida da maneira mais normal possível e passo sempre longe de remédios pra qualquer coisa. Sem contar que tento sempre enxergar o melhor lado de tudo o que eu passo. Se eu fosse hipocondríaca E depressiva, aí sim estaria ferrada.
    Então, quando descobri esse livro, fiquei pensando "Nossa, um quase-retrato da minha vida!" e, desde então, ele está na minha lista de desejos!

    Adorei a sua resenha! =D
    Beeijo! ;3

    Tatiana Leite
    tatitaleite@gmail.com

    ResponderExcluir
  84. Ai. Eu só vejo resenhas maravilhosas desse livro! preciso ler com urgência!
    Vou me identificar totalmente com a Amanda. Não chego a ser uma hipocondríaca, mas sabe quando começam a falar de uma doença e falam os sintomas e você acaba se identificando com eles? Isso acontece MUITO comigo. As aulas de biologia eram horríveis, sem brincadeira. Falar de doenças era o pior, eu achava que tinha tudo! É por isso que nunca, MAS NUNCA MESMO, nem me pagando muito, eu faria Medicina. Imagina o transtorno que não ia ser pra mim? Credo!
    Amei a resenha!

    Beeijo!

    Fernanda Leite de Souza
    fernanda3005@gmail.com

    ResponderExcluir
  85. Eu quero muito esse livro. Não pelo simples fato de ter mais um livro, e sim, porque esse é um dos poucos livros brasileiros que me chamam a atenção. Todas as resenhas que li sobre ele o elogiaram muito, e me deixaram bastante curiosa. É muito bom saber que a literatura brasileira está caminhando pra um mundo que eu adoro, o mundo do Chicck Lit.

    Nunca ganhei nada em um sorteio, não sou nenhum pouco sortuda...mas quem sabe as coisas não comecem a mudar pra mim, assim como estão mudando no mundo literário brasileiro: pra melhor!...


    mariacarol_sm@hotmail.com

    ResponderExcluir
  86. Ook, adoooro a Drica e tô louca pra ler o livro! Ainda não pude comprar, mas adoro ver os elogios e boas resenhas sobre =D

    ResponderExcluir
  87. A pessoa viciada em livros com um tempo se torna seletiva
    e eu me acho assim mais com um tempo para cá comecei a ler livros nacionais
    e amei de algumas escritoras fofissímas e pelo que li nessa resenha e na outra tbm da Drica me deu uma empolgação em ler, em devorar ele todo
    passar horas lendo e ops percebe que o dia amanheceu ..
    Ele me aparentou ser assim desses livros que quando acaba você fica com vontade de quero mais .. bem viciante e claro de ótimas risadas
    Por isso peço esse livro e como vai chegar no mês do meu niver bem pertinho rs
    que presente bom de ganhar , para rir até chorar
    Eu QUEROOO GANHAR

    isadora_pink92@hotmail.com

    ResponderExcluir
  88. Eu li a resenha desse livro ha um tempo atraz . e me apaixonei , corri atraz e vou comprar essa semana, mesmo q ganhe aqui rsrs sinceramente, estou muito feliz por ter a chance de ler um livro assim, tao rico em historia, q faça rir somente lendo a resenha. quero dar meus parabens pra DRICA q me cativou com esse livro e por causa disso comecei a segui-la no twitter e vi q é uma pessoa muito doce.. nao vou perder mais nenhum livro dela.. virei fã de verdade..

    RAFAELA RIBERO DA SILVA
    ah meu e-mail raficharibeiro@gmail.com
    bjus

    ResponderExcluir
  89. Eu já li tanta resenha positiva sobre esse livro, a sua só fez aumentar ainda mais a minha curiosidade. É tão ruim saber que os autores nacionais são tão poucos valorizados por aqui e, admito, esse é um dos poucos livros brasileiros que me despertou uma vontade absuuuuuuuuuuuuuuuurda de ler. A capa é linda e eu simplesmente adoro histórias divertidas.
    E ah, eu adoro a forma como você escreve suas resenhas! :)
    Beeijo.

    e-mail: gaabii.costa@hotmail.com

    ResponderExcluir
  90. Acabo de ser apresentada ao livro e parece ser bem diferente das tradicionais historias, fico impressionada como a literatura nacional esta crescendo e este livro parece ser daqueles que prendem o leitor, e eu amo quando uma livro me atrai. Por isso ja adicionei ele a minha lista de desejos de leitura.

    ResponderExcluir
  91. Eu fui para a livraria passar a tarde lá, e resolvi pegar esse livro para ler lá, comecei e amei.Primeiro eu me identifiquei completamente com a personagem, porque eu sou totalmente exagerada e hipocondríaca, eu sou D: UHAUSIHQ' eu ameeei, mas eu tive que deixar ele lá na livraria, nem terminei ele D: porque eu já tava comprando outros livros que eu tinha que terminar aí nem deu D: to doiiida pra terminar ele logo, a história é maravilhosa.Amei a resenha completamente, muuito legal mesmo :D beeijo :* vale a pena ler.

    ResponderExcluir
  92. Bom, várias coisas me chamaram atenção nessa resenha:
    O NOME DO LIVRO: caramba, quando vi o nome do livro, foi impossível não pensar "PRECISO DE UM PÍLULA DESSA!" huahuauahuahuahuahuahuahuahua
    A CAPA DO LIVRO: simplesmente deliciosa! kkkkkk Parecem balinhas! rsrsrs Linda demais! Parabénsa para quem a desenhou! *clap, clap*
    A HISTÓRIA: pelo pouquinho que deu para saber na resenha, eu já amei! Nossa, parece ser uma história tão divertida e cativante, daqueles livros que te entretem por horas e horas a fio sem enjoar! Adorei!
    Gostei bastante do livro, me deu muuuuuuuita curiosidade de lê-lo! Por isso, estou participando dos dois sorteios e torcendo pra ganhar, pq PRECISO LER ESSE LIVRO!

    Uma última coisa: concordo com vc, Julianna, a capa do livro é uma coisa muito importante sim, pois é a primeira impressão que nós, leitores, temos dele... Antes de ler um livro, eu sempre leio o resuminho da história para saber como ele é, mas é a sua capa que me faz pegar o livro na mão e ir atrás do resuminho.

    Ana Carolina Cavoli
    ana_cavoli@hotmail.com

    ResponderExcluir
  93. Uau! K resenha perfeita! Meus parabéns Ju, adorei! A primeira vez que vi essa capa tbm pensei na do L.A. Cady, e já gostei de primeira pq a capa é muito linda. E já morri de rir só de ler as resenhas que encontro desse livro, e todo mundo fala a mesma coisa, que passou vexame em público. Tô louca para ter o meu aqui em casa. Acho que a maioria das pessoas conhece alguém assim, e comigo não é diferente, conheço várias, e depois da leitura (se eu gostar, o que acho bem possível) vou indicar para essas pessoas. O que vc acha? kkkk Pode ser um diagnóstico para elas. XOXO, da Lisse
    P.S: Quero participar da Promo, sou seguidora

    ResponderExcluir
  94. Bem, dizer que Chick lit agora é item obrigatório em minha estante é pouco.
    O título desse livro é super interesssante: 'A pílula do amor' e além de dar uma vontade enorme de ler o livro, uma pulguinha atrás da orelha fica perguntando: Que bendita pílula é essa? Traz o amor? Se traz EU TENHO QUE IR LÁ COMPRÁ-LA. rsrs
    A resenha deixou um gostinho ainda melhor para ler. Adoro quando alguém 'conta o livro', e o melhor é quando esse alguém só deixa a vontade de ler, sem deixar escapar alguma coisa que nos faça desistir de ler o livro. Por exemplo, aquelas pessoas que se empolgam tanta para contar algo que falam quem morre, qem nasce, quem casa com quem. rsrs
    Adorei! Parabéns!

    ResponderExcluir
  95. bem que estou precisando de uma leitura dessas, vou correr atrás do livro =]

    ResponderExcluir
  96. Li e não gostei muito mas isso é uma opinião pessoal...

    ResponderExcluir
  97. O livro parece ótimo, só não entendi o famosa série, nunca ouvi falar nessa escritora...

    ResponderExcluir

Meninas (e eventuais meninos) as respostas aos seus amados e estimados comentários será feita no próprio blog, ok?? Responderei logo abaixo dos seus comentários.

Regras
- Comentários Anônimos não serão publicados nem respondidos.
- Não faça propaganda de blogs/sites nos comentários.
- Não peça parcerias pelos comentários, use o Formulário.
- Comentários ofensivos e preconceituosos não serão aceitos.

Os comentários dos leitores não refletem a opinião da autora do blog, e são de responsabilidade exclusiva dos mesmos.